Presidente chinês pede que relações sino-sul-coreanas voltem para o caminho normal

2017-05-19 18:27:10丨portuguese.xinhuanet.com
Beijing, 19 mai (Xinhua) -- O presidente chinês, Xi Jinping, disse na sexta-feira que a China está disposta a trabalhar com a República da Coreia para que as relações bilaterais voltem para o caminho normal. Xi fez as declarações durante um encontro com Lee Hae-chan, que está em visita à China entre quinta-feira e sábado como enviado especial do presidente sul-coreano, Moon Jae-in. Xi disse que a China dá grande importância às relações com a República da Coreia e deseja colaborar com a parte sul-coreana para garantir a continuação das conquistas obtidas pelas duas partes. O mandatário chinês pediu que ambas as partes consolidem a confiança política mútua e lidem adequadamente com suas divergências com base no entendimento mútuo e respeito recíproco. Como vizinhas próximas, a China e a República da Coreia obtiveram um grande progresso no desenvolvimento depois que os dois países estabeleceram relações diplomáticas há 25 anos, de acordo com Xi. O desenvolvimento dos laços bilaterais resultou em enormes benefícios para os povos de ambos os países e deram importantes contribuições para a paz e a estabilidade na região, disse. Xi enfatizou que a China adere à desnuclearização da Península Coreana e à salvaguarda da paz e estabilidade da região, e está comprometida a resolver quaisquer assuntos através do diálogo e da coordenação, o que corresponde aos interesses essenciais de ambos os países e da região. Ele indicou que a China deseja aumentar a comunicação com o novo governo sul-coreano nestes assuntos, promover firmemente a desnuclearização da península e reiniciar o diálogo sobre o tema o mais breve possível. Lee disse que a República da Coreia entende as preocupações da China e está disposta a fortalecer a coordenação com o país para eliminar quaisquer obstáculos ao desenvolvimento dos laços bilaterais. A República da Coreia e a China têm opiniões e posições similares nos assuntos nucleares da Península Coreana, disse Lee, acrescentando que seu país está disposto a trabalhar com a China para realizar a desnuclearização da península, defender a paz, a estabilidade e a segurança no Nordeste Asiático. O conselheiro de Estado chinês, Yang Jiechi, também se reuniu com Lee na manhã de sexta-feira. Yang pediu que os dois lados implementem o consenso alcançado pelos líderes dos dois países e impulsionem os laços bilaterais para que eles voltem para o caminho do desenvolvimento saudável e estável. Yang pediu que a República da Coreia respeite as principais preocupações da China e lide adequadamente com a questão do posicionamento do sistema de Defesa Aérea Terminal de Alta Altitude (THAAD, em inglês) dos Estados Unidos. Yang disse que ambos os lados devem comunicar e cooperar mais, e trabalhar com todos os lados envolvidos para resolver a questão nuclear da península. Lee disse que a República da Coreia entende as preocupações da China e está disposta a se esforçar para resolver adequadamente as questões relativas.
Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo: Telefone: 0086-10-8805-0795 Email: portuguese@xinhuanet.com
010020071380000000000000011100001362987191
亿万先生