Situação de presidente brasileiro fica fragilizada após relato de suborno

2017-05-19 20:43:38丨portuguese.xinhuanet.com
Rio de Janeiro, 18 mai (Xinhua) -- A situação do presidente brasileiro Michel Temer ficou delicada na quinta-feira, depois de uma gravação divulgada por um jornal acusá-lo de aceitar subornos e endossar subornos para silenciar uma testemunha em um caso de corrupção. Quando a notícia se espalhou na noite de quarta-feira, os oponentes começaram a pedir a renúncia ou a destituição de Temer. Temer divulgou um comunicado na quarta-feira, negando todas as acusações. Ele também disse aos parlamentares aliados que não renunciaria ao cargo. A mídia local informou que ele não está disposto a renunciar, mas pode não ter apoio suficiente para continuar no governo. Analistas disseram que é improvável que Temer receba o apoio de uma parte significativa de sua coalizão, que temiam anexar-se a uma administração já considerada como condenada. Enquanto isso, a taxa de aprovação mais recente de Temer foi surpreendentemente baixa, de 4%. De acordo com o jornal O Globo, Temer foi gravado em uma conversa com Joesley Batista, presidente da empresa de carnes JBS SA, que então apresentou a gravação para o tribunal. Nas gravações, Temer supostamente endossou os subornos de Batista ao ex-chefe da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, em troca do silêncio de Cunha. Cunha foi preso por vários crimes de corrupção no ano passado e ameaçou contar às autoridades o que sabia sobre esquemas de corrupção e suborno no governo. Além disso, Temer também foi registrado indicando o deputado federal Rodrigo Rocha Loures para "resolver alguns problemas" para a JBS SA. Loures foi filmado recebendo 500.000 reais (160.000 dólares) em subornos de Batista. Se Temer renunciar ou sofrer impeachment, o presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia assumirá o cargo de presidente em exercício até que uma eleição presidencial seja convocada.
Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo: Telefone: 0086-10-8805-0795 Email: portuguese@xinhuanet.com
010020071380000000000000011100001362990551
亿万先生